Como saber se airpod é original

Como saber se airpod é original

Tempo de leitura: 9 minutos

Como saber se airpod é original

Os produtos da maçãzinha são tipo as estrelas do show, sempre arrasando e causando desejo intenso quando chegam às prateleiras.

Mas, meu amigo, o preço é de outro planeta, o que dá espaço para um exército de clones e falsificações dominarem o mercado.

Os AirPods, esses famosos fones de ouvido sem fio da Apple, são os alvos principais dessa invasão de cópias, encontradas por aí a preços que mais parecem pechincha do que original.

É fácil ficar perdido nessa confusão de imitações, mas relaxa, não queremos ninguém caindo em ciladas!

Dá uma olhada nessas dicas incríveis para desvendar se os seus AirPods são os verdadeiros astros do palco ou apenas artistas falsificados. 🎧✨

Como saber se o AirPods é original?

como saber se airpod é original

Quando a maçãzona (ou outra gigante do pedaço) solta um produto que é febre, não demora muito para as imitações invadirem o mercado, tentando tapear os consumidores.

Os AirPods, coitadinhos, já têm cópias dando sopa por aí, se espalhando mais rápido que fofoca de novela, tanto em lojas físicas quanto na selva da internet.

Mas, calma, não precisa entrar em pânico! Vou te passar umas dicas top para desmascarar essas falsificações e garantir que você não caia no conto do vigário. 🍏🕵️‍♂️✨

Desconfie de preços muito baixos

Os preços dos fones de ouvido são tipo uma montanha-russa, variando mais que o clima em São Paulo! Pra não cair na pegadinha, é bom ficar de olho nos valores praticados no site da Apple, a referência suprema do mundo maçãzinho.

Olha só, os AirPods Pro 2, os novinhos que chegaram causando em outubro de 2022, têm um preço oficial de R$ 2.599, mas no mundinho virtual, você pode encontrar por uns R$ 2.000.

Agora, se aparecer algo com preço mais baixo que nota de R$ 50, desconfia! Provavelmente tá na área das réplicas e produtos “fake news.”

Veja Também  Como ligar fone bluetooth Xiaomi

Ah, e tem uns fones por aí que quase fazem cosplay dos AirPods, tipo os i7 e i12. Eles até podem enganar, mas não levam o sobrenome Apple, sacou?

Esses astros brasileiros têm seu lugar ao sol e aparecem por menos de R$ 100.

Fica a dica: cuidado com os clones que querem brilhar sem pagar o preço do ingresso no espetáculo original! 🚀🎧💸

Verifique a embalagem

A Apple não brinca quando o assunto é fazer a gente se sentir VIP no momento do unboxing. Eles capricham nas embalagens, usando materiais top de linha.

E olha, isso não é só firula, pode ser o X factor pra desmascarar uma cópia barata dos AirPods.

Se a caixa tiver mais defeitos que o roteiro de um filme B, se as letras, logotipos e afins não estiverem brilhando como estrelas de Hollywood, e se os fones parecerem mais apertados que um abraço da tia, aí, amigão, você tá diante de um impostor.

Essas falsificações até tentam dar um close certo, mas quando você olha com aquela atenção de detetive, percebe logo os errinhos de impressão, a caixa sem o brilho da fama e, às vezes, até umas oscilações esquisitas nas cores.

Não se engane, meu caro, a verdade está nos detalhes, e é aí que os AirPods originais se destacam como verdadeiras estrelas do unboxing! 🌟🎁🍏

Verifique o acabamento

Os AirPods são tipo o James Bond dos fones, com um acabamento premium que faz qualquer um se sentir parte de uma missão ultra-secreta.

Tanto a case de carregamento quanto os próprios fones têm aquele toque de classe. Nos originais, os alto-falantes dão o ar da graça através da grade, tipo “Oi, estou aqui!”, enquanto nas cópias eles ficam escondidinhos, tentando passar despercebidos. Mas a gente pega eles no pulo!

E o encaixe nos ouvidos? Meu amigo, é tipo um abraço de panda, mega confortável e com uma “fixação” que até desafia a gravidade. Nada de quedas acidentais, só se for uma chuva de confete!

A case também entrega a real, porque as cópias costumam ter uma dobradiça mais solta que a moral de festa de pijama.

Nos originais, tudo firme e forte. E tem mais um truque de detetive: o botão de emparelhamento na case original é como um mestre da camuflagem, completamente nivelado, enquanto o falsinho tenta dar uma de saltitante.

Veja Também  Melhor App para aumentar o volume do fone de ouvido

Não subestime a espionagem dos detalhes, meu caro! 🕵️‍♂️🎶💼

Verificar o número de série dos AirPods

Os AirPods originais são tipo detetives com códigos secretos! Cada um dos membros desse esquadrão tecnológico – o estojo de carregamento, o fone esquerdo, o fone direito e até a caixinha do aparelho – tem seu próprio número de série, como se fossem a identidade secreta de super-heróis.

Agora, os falsificados tentam dar uma de preguiçosos nesse quesito, usando o mesmo código em todas as peças. Pode até ser uma tentativa, mas não engana os olhos afiados!

E aqui vai um conselho: bota esses códigos pra dançar no site oficial da Apple (checkcoverage.apple.com).

É tipo uma pista de dança virtual da verdade! Se, depois de inserir os caracteres mágicos, a página soltar as informações dos AirPods, bingo!

Eles são originais, não tem jeito de dar um golpe nesse baile de confirmação de autenticidade. 🕵️‍♂️💼🎉

Qualidade de áudio e conexão

Ah, meu amigo, fique ligado nos sinais sonoros, porque os falsificados são tipo uma orquestra desafinada.

Se o áudio tá mais bagunçado que festa de arromba, com ruídos desagradáveis, graves explodindo ou volume fazendo uma maratona de altos e baixos, pode dar aquela desconfiada.

Afinal, a galera elogia pra caramba a qualidade sonora dos fones da maçã.

Se tiver um AirPods Pro na jogada, é bom dar uma espiada nas funções especiais, tipo o “Áudio Espacial” e o “Cancelamento Ativo de Ruído”.

Se eles não estiverem dando o ar da graça, já sabe, é hora de questionar.

E não pense que a conexão Bluetooth escapa do olhar crítico! Se rolar uma instabilidade que deixa o iPhone pulando de conexão em conexão como um coelho de pula-pula, isso levanta suspeitas de que tem algo de errado.

Os AirPods legítimos são tipo os mestres do Bluetooth 5.0, garantindo estabilidade como super-herói em dia de serviço.

E tem mais um truque pra detectar essas cópias baratas: se os fones começarem a falar tipo “Bluetooth connected” na hora do pareamento, pode crer que é cilada.

Os AirPods não têm essa mania de tagarelar, então é quase como ouvir um papagaio falso tentando se passar por um membro da gangue Apple. 🎵🎧🔍

Construção dos fones e do estojo de recarga

Olha só, meus caros, os AirPods são tipo a realeza dos fones de ouvido, com um acabamento premium que brilha mais que um sorriso de celebridade no tapete vermelho.

Veja Também  Um lado do fone mais alto que o outro

A cor branca deles é tipo o branco mais brilhante do planeta, e olha que as falsificações tentam, mas às vezes acabam mais opacas que um discurso chato.

Essas cópias baratas são tipo os irmãos desajeitados, com uma construção menos polida e mais leve que uma piada ruim.

É fragilidade pra dar e vender, bem diferente dos originais que são feitos pra aguentar o tranco.

E aí, gente, olho vivo no estojo de carregamento! O botão de pareamento nos originais é mais nivelado que um terreno bem passado, enquanto as cópias podem ter uma saliência que mais parece um topete desgrenhado.

E não se iluda com a tampa, que nas falsificações pode não fechar tão bem quanto o final de um conto de fadas.

Mas tem mais! O encaixe nos ouvidos é tipo um abraço perfeito, nada de ficar caindo por aí.

Os AirPods originais são tipo expert em ficar no lugar certo, enquanto as cópias geralmente não têm essa manha toda no quesito design.

É cada uma tentando ser rainha, mas só a Apple que reina de verdade no mundo dos fones! 👑🎶💎

Teste a conexão com um iPhone, iPad ou outro dispositivo

Amigo, vamos falar sério, os AirPods originais são tipo os mestres do Bluetooth, têm o suporte do 5.0, a última palavra em estabilidade de conexão.

Se você notar oscilações no sinal que fazem o smartphone dar uma de “eu vou, não vou” e se desconectar várias vezes, já pode acender a luzinha de alerta, porque pode ser um produto tão falso quanto nota de 3 reais.

Vamos testar a velocidade e a estabilidade da conexão desses fones! Se rolar como um desfile de escola de samba no Carnaval, tudo tranquilo.

Mas se estiver mais instável que o emocional de uma pessoa assistindo novela mexicana, já sabe, né?

E olha, a dança do pareamento com iPhones e iPads é um verdadeiro show! É só abrir a tampa do estojo perto do smartphone, apertar o botãozinho mágico na parte de trás da case, e pronto, tudo conectado.

Agora, nas cópias, esse processo pode virar um drama mexicano, com falhas na conexão e o pop-up (aquele aviso maneiro com informações de bateria) fazendo a fofoca de que tem algo errado.

Fica de olho, meu chapa, que os originais fazem essa dança do pareamento como se estivessem em um baile chique, enquanto as cópias tropeçam nos próprios passos! 💃📱🎶